Por Que Políticas Monetárias Não Funcionam No Brasil

Inflação real, Contadores de Custo usam para determinar preço

 

 

 

 

 

Tempo de leitura: 45 segundos

 

Para quem é formado em Engenharia, Arquitetura, Matemática, Contabilidade e Administração, leia a prova dos 9 por que aumentar os juros no Brasil não baixa a inflação, pelo menos não quanto o esperado.

Uma das variáveis críticas desta Planilha é inflação real, que Contadores de Custo usam para determinar preço, neste caso 4,5% no mês.

Como este produto só tem matéria prima que subiu 4,5%, dividindo o preço a vista de R$ 104,50 por R$ 100,00 você teria a inflação correta do mês, 4,5%.

Mas se você vender a prazo, o preço muda, e se você aumentar os juros de 2% para 3% o preço muda mais ainda, o traço em vermelho.

Nestas alturas devo ter perdido 90% dos meus leitores, e 100% dos economistas que ainda me seguem.

Mas o preço a um prazo de 28 dias sobe para R$ 111,90 embora como já provei, o seu valor presente é de R$ 104,50 o que reflete a verdadeira inflação do mês.

Agora a prova.

Use a calculadora do seu celular, divida os preços a prazo de dezembro pelos de novembro, e você obtém um aumento de preço de 8,9% e não de 4,5%, mostrando como o IBGE e outros superestimam a inflação.

Estamos em novembro pessoal, razão desta minha insistência para que alguém mais competente do que eu explique para nossos políticos, nossos jornalistas, a Dilma, o Levy, antes do circo pegar fogo.

(Lido por 169 pessoas até agora)

UA-1184690-14