Aprenda a Ler e Pensar

 

Comecei a escrever o meu livro Aprendendo a Pensar, e aí percebi que 90% das vezes pensamos logo após termos lido alguma coisa, ou ouvido alguma coisa.

Isto é muito sério.

Porque 99% da vezes o que estamos lendo é uma bobagem, uma mentira, um projeto de poder, uma distorção da realidade para defender uma causa ideológica, um trol com agenda oculta, enfim, uma perda de tempo.

Como a maioria não pensa ao ler tudo isto, o Brasil vai estagnando a olhos vistos.

Aprender a Observar não é ensinado.

E aprender a ler criticamente é menos ainda, porque isto é a última coisa que muitos professores engajados querem.

Fiquei muito assustado com Salman Rushdie, quando lhe perguntaram porque não escrevia livros Técnicos e Científicos, e só Ficção.

Porque assim eu pego o leitor desavisado, é muito mais fácil vender ideologia quando o leitor não está prestando atenção.

Imaginem o que acontece com livros infantis.

Por isto, vou incluir alguns tópicos sobre Como Ler, embora pareça infantil ensinar a um adulto de 25 anos algo tão elementar.

 

Compartilhe:
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Comentários

7 Responses

  1. Artigo fantástico. Espero obter todas as lições de como aprender a ler e, sobretudo ainda, pensar.
    Sempre acreditei que a escola desde os primórdios deveria ensinar o sujeito a pensar, ou seja, utilizar sempre metódos pedagógicos que direcionem o raciocínio crítico e questionador.

  2. Recebo mensalmente de 8 a 10 revistas, a maioria relacionada com a atividade profissional e como é impossível ler todas, desenvolvi o que apelidei de “leitura crítica”: leio primeiro o título, o cabeçalho, os destaques, as legendas das ilustrações e uma passada de olhos no texto. Se desperta o interesse por qualquer razão, leio o artigo todo. Se não, pulo para o próximo. De outra forma, a pilha de revistas só faria aumentar. O mesmo para o monte de informativos recebidos por e-mail.
    Aprendi a fazer essa avaliação crítica nos tempos de escola, quando a professora de português nos indicava um livro para ler e entregar um trabalho onde tínhamos que avaliar uma série de critérios.
    Lamentavelmente, os alunos de hoje sequer sabem ler corretamente, que dirá analisar o que é lido.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Mais Recentes

Outros Assuntos

Outros Canais

Receba os artigos por e-mail
Leia Mais

Artigos Relacionados

Aos Pais de Meninas

  Quando me preparava para escrever meu livro “Família Acima de Tudo” descobri que não havia um único livro, naquela época, que ensinava pais a

Artigo Completo »