Entenda o Que é Renúncia Fiscal

 

“Governo perde R$ 9 bi em impostos”, manchete da página B4 de Economia, 30 de junho de 2009.

Compartilhe:
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Comentários

6 Responses

  1. Sr. Kanitz,
    Uma reflexão que gostaria de ver encaminhada neste tema é sobre, até onde o excesso/abundância de recursos disponíveis pode ser uma das fontes que mais alimentam a corrupção/desperdício por um lado, e, por outro, a sonegação/indignação ?

  2. Parabens prof., como sempre urge a coragem para dizer a verdade.Cada vez mais, assisto horrorizado ao espetaculo “A revolução dos bichos” ser encenada na barba do povo, pela falsa esquerda brasileira.

  3. É por essa e por outras, que não interessa ao governo (entre alguns perpetuados no poder) ter um povo culto ao seu redor.
    Quanto maior a cultura, maior serão as cobranças.

  4. Eles falam em “Renúncia Fiscal” porque vêem o governo simplesmente como uma máquina de extrair dinheiro dos nossos bolsos canalizando esta riqueza para os seus próprios bolsos além de parentes e amigos.
    É por isso que dizem “NÓS… deixamos de arrecadar” ou então “NÓS fizemos renúncia fiscal”…
    “NÓS” QUEM ?… Cara pálida…
    Para mim, o pior tapa que levamos na cara é a tal polêmica do calculo de impostos ser feito “por dentro” ou “por fora”. Os impostos são calculados sobre valor final da nota, que inclui (pasmem!) o próprio imposto que está sendo cobrado. ISSO NÃO EXISTE!! A matemática é uma só. Só mesmo um país de analfabetos em matemática para tolerar esta FRAUDE que o governo está fazendo (em conivência com o poder judiciário).
    A sua conta de água, que deveria estar pagando 25% de ICMS, na verdade está pagando 33%. Estão roubando o povo brasileiro e ninguém se manifesta. Onde está a sua voz, Professor Kanitz ?

  5. Há quem pense (e divulgue a ideia) de que, agindo assim, o Governo tenderá a comprometer o Orçamento, as contas públicas – isso não deveria ser feito, ou, pelo menos, não desse jeito.
    Parte da mídia, na voz de seus “especialistas”, olha de esguelha para as ações do Governo que buscam movimentar a economia. O curioso é que estes mesmos “especialistas” vibram com medidas de fora, como a ajuda estadunidense à aquisição de um veículo novo.
    No frigir dos ovos, qualquer atitude do Governo que beneficie será criticada ou será recebida referta de “mas”, poréns” etc.
    As eleições 2010 já estão na “imprensa livre”.
    Feliz cada novo dia…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Mais Recentes

Outros Assuntos

Outros Canais

Receba os artigos por e-mail
Leia Mais

Artigos Relacionados

Como Lidar Com Fake News

A posição liberal e comunitária ao problema de fake news não é censura prévia, curadores da verdade, medidas de cancelamento e sequestro de receitas. Isso

Artigo Completo »

A Previdência Americana

  Todo jovem brasileiro, com menos de 45 anos, deveria acompanhar atentamente a discussão da reforma da previdência americana. Os argumentos e contra argumentos usados

Artigo Completo »