Uma Alternativa à Democracia

Nunca foi maior o desalento brasileiro com a Democracia, a maioria dos brasileiros já pensa numa alternativa em desespero.

Poucos sabem que Administradores de Empresas são especialistas também em Política, melhores que Cientistas Políticos, porque temos mais experiência científica comprovada.

Tivemos mais de 400 milhões de empresas para experimentar nossas ideias, enquanto Cientistas Políticos possuem uns 200 países para estudar, cinco regimes diferentes de fato.

Temos os mesmíssimos problemas como eleições dos acionistas, escolha de ministros, orçamentos, leis internas, prestação de serviços e anualmente de contas.

Nossos governos atuais sequer prestam contas.

Nenhum brasileiro sabe que a União, Estados e Municípios estão quebrados.

Nenhum Brasileiro sequer sabe qual foi o governo que quebrou esse país, aliás foram todos.

Pela gestão financeira irresponsável dos melhores economistas que nossas faculdades de Economia jamais produziram.

Todos acham que a Previdência se resolve, sem sequer saber que tudo que foi contribuído foi gasto por esses intelectuais, e nada provisionado para o pagamento dessa obrigação do Estado.

Mas nada disso foi registrado e prestado contas pelos irresponsáveis.

Nós teríamos registrado suas contribuições como Dívidas a Pagar, e não como Receitas como fizeram desde Delfim a Henrique Meirelles.

Antes de descartar a Democracia, e flertar com uma ditadura militar, ouçam pelo menos aqueles que já testaram centenas de ideias, e descartaram dezenas de experiências malsucedidas.

Por exemplo, na nossa Democracia os acionistas votam, mas não votam para Presidente, somente para um Conselho de Administração, esses sim escolhem o Executivo.

Por isso as empresas são muito mais bem-sucedidas que nações.

Por outro lado, os acionistas podem, numa Assembleia Extraordinária, demitir esse Presidente escolhido, a qualquer momento, sem impeachment.

Antes de descartarem a Democracia, façam um grande seminário convidando os melhores administradores desse país.

Para explicarem como fazemos democracia nas empresas, quais as várias soluções que encontramos nesses últimos 500 anos e que deram tão certo.

Lembrem-se que foram os administradores da American Express que criaram o conceito de Previdência para seus trabalhadores; que foram empresas que criaram Seguro Saúde para seus trabalhadores, treinamento continuado, salários iguais para funções iguais, e não os cientistas políticos.

Deixar todas essas experiências bem-sucedidas sem serem ouvidas é o suicídio administrativo que o Brasil está deliberadamente fazendo.

Não desistam da Democracia a favor de uma Ditadura Militar sem antes estudarem um pouco de Administração Responsável das Nações.

Não é pedir muito.

(Lido por 729 pessoas até agora)

2 Comments on Uma Alternativa à Democracia

  1. O Brasil só solucionará seus problemas com a imigração de cérebros da primeira e segunda classe como explicado em outro texto . Japoneses seriam perfeitos. São democráticos. O que lhes falta de publicidade e propaganda, terras cultiváveis, natureza hostil, etc temos aqui. O que carecemos abunda lá. Vai que tem um cataclismo e alguns emigram… para cá.

  2. Kanitz, o que você descreve acima é o modelo americano. Lembre-se que os Founding Fathers temiam a democracia enormemente, tanto que fizeram uma República. Nós precisamos de uma República sem adjetivações. Há muito Democracia virou um adjetivo ridículo. Basta que seja o meio de escolha e estamos conversados.
    Outro dia ouvi o Dr. Carvalhosa sugerir uma nova Constituição. Comecei a me entusiasmar e ele sugere uma como a da França. Jesus! Já me cansei de dizer: “A melhor roda é a redonda!” Por que não se arruma um bom tradutor, traduza a Constituição dos EUA com seus 7 (seis de fato) artigos e 27 emendas (que podem ser apenas 24)? Depois, ajuste um ou outro ponto e submeta-a a referendo popular pré-promulgação e estamos conversados.
    Brasileiro é mestre em complicar o que é simples e funcional. Já um boliviano fez exatamente isso aí, e a Bolívia funcionou bem até resolverem imitar o Brasil…

Comente

Seu email nao sera publicado.




UA-1184690-14