Por Que Eu Não Compro Títulos Públicos

 

Tempo de leitura: 45 segundos

 

  1. Porque o dinheiro é imediatamente gasto em despesas de pessoal e não investido em projetos que gerem renda. Você no fundo está fazendo uma doação e não uma aplicação financeira.
  1. Não sendo o seu dinheiro aplicado num investimento, não há retorno. Muito menos retorno financeiro acima dos juros, como em países não administrados por professores incompetentes.
  1. A única forma destes professores pagarem juros e seu dinheiro de volta é via taxação forçada e criminosa, especialmente sendo sobre pobres e os jovens.
  1. Nenhum investidor estrangeiro investe mais nesses títulos, só idiota da classe média e desinformado.a. Aí protestam nas ruas contra a Dilma, ao mesmo tempo em que financiam o governo com seu dinheiro.
  1. O suposto juro de 14% menos IR e inflação dá um juro real depois de IR de somente 2%, e não 14% como todos pensam.
  1. Os Vermelhos na foto abaixo, que não sabem fazer conta, acham que você é que é o bandido, que leva 9% do PIB todo ano e não somente 1,3%.a. Um dia virá o calote porque o Brasil está quebrado e será sobre vocês, o 1% que tantos odeiam.
  2.  Na realidade são eles que levaram e gastaram 100% da sua poupança neles mesmos, em salários e aposentadorias sem fim, mas os Vermelhos só sabem mentir e não raciocinar.
  1. O Brasil está quebrado, portanto não dá para pagar todo mundo.
  1. Eu até apoio os Vermelhos, se é para não pagar algo é para não pagar você, que deu dinheiro para bandidos e que faz parte do 1% mais ricos do Brasil.
  1. Vocês se ferram, mas nós os 99% mais pobres, e os mais espertos que não vivem do Bolsa Juros, nos sairemos bem.a. Entre ferrar 1% para salvar 99% de um futuro negro, pagando dívidas e juros para perfeitos idiotas, você faria o mesmo.b. Por isto eu não aplico em títulos públicos mesmo quando os ministros eram o Maílson, Malan, e muito menos Mantega.

(Lido por 533 pessoas até agora)

22 Comments on Por Que Eu Não Compro Títulos Públicos

  1. Vejamos:

    1 – Os governos, não só bananeiro, vivem de consumir poupança. fazem isso porque se cobrassem impostos diretamente a opulação perceberia a exploração, não da burguesia, mas da aristocracia governante. (em qq tempo).

    2 – Os bancos são os despositários da poupança alheia desde que o colchão tornou-se péssimo guardião. Afinal se os BCs expandiam o montante de “moeda” circulante, o resultado era a desvalorização da unidade monetária frente os bens e serviços consumíveis, como se um IMPOSTO SOBRE A POUPANÇA. Portanto guardar o dinheiro era o mesmo que sofrer “SOBRETRIBUTAÇÃO”. Assim a idéia de investir sepultou a idéia de guardar.

    3 – Os bancos se tornaram depositários de poupança alheia sob a idéia de investi-la e assim faze-la render ou não perder tanto o seu valor diante do IMPOSTO INFLACIONÁRIO.

    4 – Os governos, almejando obter para seus gastos o máximo de poupança da população, tornou os emprestimos entre pessoas SEM GARANTIA JUDICIAL. Só paga quem quiser e os processos são custosos e longos para o cidadão. Contudo para os bancos são palatáveis.

    …e foi assim que os bancos se tornaram o meio de se poupar ou tomar poupança emprestado.
    Claro que há o TD, mas o fato é a SANHA do Estado por CONSUMIR os bens e serviços disonibilizados pelos que trabalham e produzem.

    O Estado tranfere, por intermédio do dinheiro, a produção da sociedade civil para os RECEBEDORES de IMPOSTOS que, cada vez mais CONSOMEM os bens e serviços produzidos pelos PAGADORES de IMPOSTOS.

    Trata-se de transferência de riquezas dos produtores para os recebedores de impostos. Sejam eles diretos, indiretos e inflacionários (onde um lado fabrica o dinheiro usando-o como FIM para consumo, não como MEIO de TROCA entre bens e serviços: por isso a sociedade empobrece tanto mais dinheiro possui).

  2. Quanto foi o jabaculê dos bancões para patrocionar este artigo? Os bancos morrem de medo de você tirar o seu dinheirinho dos fundos de “investimentos” deles e aplicar diretamente no TD, perdendo o spread que dá um dinheiro mole para o clube da FEBRABAN.

    Aliás, falando em bancões, eles são os maiores investidores do TD, ao lado dos fundos de pensão.

  3. Professor, seus artigos são bons, mas esse aí foi o pior que já li. Sugere ao governo gastar menos e precisar fazer menos dividas.
    Quem não deve, não paga juros. Agora, quem economiza, vai investir onde?
    Abrir empresas, pagar impostos e morrer com menos dois anos de vida. Fala sério!

  4. essa eterna briga entre ricos e pobres………um conselho para cada lado…….primeiro para os ricos: ´´ parem de enriquecer e deixem os outros ganharem tambem´´ . Agora para os pobres: ´´pelo amor de Deus , parem de gerar filhos .No maximo dois´´.

  5. Verdade, os impostos que pagamos também são para isso.

    E aí, vamos parar de comprar e começar a roubar, saquear?

    Vamos sonegar imposto, já que é cheio de corrupto?

    Meu deus, é cada idiota

  6. entendo que “os vermelhos” estão no governo hoje, mas quando não estavam, a ciranda era a mesma! Aliás, essa ciranda de usar os jovens para pagar os mais velhos, começou com os governos militares (será que eles também eram comunistas?).

  7. Pelo que entendi, é que o Brasil está quebrado e virá um calote. Este calote será nos títulos públicos. Risco alto pra pouco ganho real.
    OK.
    Mas então, onde investir ?

  8. Victor, o Vermelho é um Jornal, que está na verdade no topo do Post, lá em cima tem uma foto, é a foto do Jornal Vermelho.

  9. Pode citar um exemplo, na história da humanidade, onde pararam de ‘apostar’ em títulos ?

  10. A parte mais engraçada foi a do investidor estrangeiro rs

    PS: o dinheiro é usado pelo país, inclusive para projetos sociais, para educação, saúde etc etc

  11. Quem são os “Os Vermelhos na foto abaixo, que não sabem fazer conta”?
    Não tem foto!

  12. No fundo o artigo tem algo de razão. O risco existe e enquanto estivermos nas mãos dos vermelhos ele é real.
    Um titulo de curtissimo prazo pode até se safar… mas apostar a longo prazo é igual a apostar suas fichas na aposentadoria do governo (INSS).
    Acho que quem tem confiança deve até apostar nos Titulos, mas igual a uma aposta de roleta russa… funciona quase que como uma piramide… enquanto tiver gente apostando nos titulos eles se mantém… quando começar a debandada o governo quebra e o calote acontece.
    Entra nos blogs que ensinam a reconhecer uma piramide financeira… vão ver que os titulos se encaixam muito nesse tipo de investimento… só o lastro é que é maior e por isso leva mais tempo para quebrar.

  13. Professor, o senhor sempre publica coisas que nos levam a reflexão. Geralmente temas bons e relevantes, eventualmente alguma bobagem que evidentemente, por sua história, tem todo o direito. Até porque a bobagem de hoje pode ser a verdade de amanhã. Contudo, me preocupa ao ver que tem se tornado o profeta do apocalipse. Use seu cérebro privilegiado da livre docência para falar sobre tudo. Menos sobre a administração pública do Brasil. Não entre para a história como mais um chato do “eu te disse”. grande abraço.

  14. É sério isso, professor? Sua sugestão a um fundo de pensão seria aplicar em que? “Doação” com retorno real de 3% é tão mal assim? Ja foi muito mais alto na época que você não compra também, não? Forte Abraço.

Comente

Seu email nao sera publicado.




UA-1184690-14