Nossos Heróis – Carlos Fernando dos Santos Lima

[pullquote]Carlos Fernando dos Santos Lima fez o mestrado na Universidade de Cornell nos Estados Unidos. [/pullquote]
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Tempo de leitura : 55 segundos
 
 
 
Carlos Fernando dos Santos Lima, 50, é considerado por advogados de defesa como “o cérebro” por trás dos acordos de colaboração premiada.
 
É a maior autoridade em colaboração jurídica internacional da equipe. 
 
É vice-secretário de cooperação jurídica internacional da procuradoria geral da República
 
Especialista em compliance, crimes do colarinho branco e colaboração premiada, fez mestrado em Cornell, nos Estados Unidos.
 
Segundo reportagem da Valor, Lima é comunicativo, moveu as peças da investigação de modo a dar um “xeque-mate” reconhecido até por defensores dos investigados, que o classificam de “duro na queda”. 
 
“Negociar com ele é quase impossível”, diz um advogado que representa uma das empreiteiras. “Ele ouve com muita atenção, deixa todo mundo falar. E no fim, diz não.”
 
Foi Carlos Fernando quem disse não a advogados da Odebrecht, Camargo Corrêa, OAS e a outras duas grandes empreiteiras, na véspera da deflagração da 7ª fase da Lava-Jato, uma quinta-feira, dia 13 de novembro. 
 
Eles propuseram pagar até R$ 1,2 bilhão em troca do encerramento das investigações e a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o MPF. 
 
Carlos Fernando considerou a proposta “imoral”.
 
Para os criminalistas que frequentam a sede da PF em Curitiba, onde estão presos os executivos e outros envolvivos na operação Lava-Jato, esta é a “a turma ‘sangue nos olhos'”; é assim que eles definem os procuradores da força-tarefa. 
 
Não é fácil a vida deles.
 
Se você tem a impressão que é somente Sergio Moro que luta pela melhoria deste país, lembre-se que este tem uma equipe 10 por trás.
 
Nossos Heróis Nacionais. 

(Lido por 217 pessoas até agora)

22 Comments on Nossos Heróis – Carlos Fernando dos Santos Lima

  1. VIVA A LAVA JATO! VIVA CARLOS FERNANDO! Não coloque nossos escoteiros e bons brasileiros junto com o passado. Eles são a renovação! Honre o trabalho excelente desses que poderiam não fazer absolutamente nada.

  2. São heróis por fazerem aquilo que todos deveriam fazer e não fazem por covardia! Em terra de cego quem tem um olho é rei, ou herói!!!!

  3. São heróis por fazerem aquilo que todos deveriam fazer e não fazem por covardia! Em terra de cego quem tem um olho é rei, ou herói!!

  4. Parabéns! Paula por trazer luz do dia a dia, luz da verdade, a despeito desses servidores. Dizer que são salvadores do “momento atual tão carente que vivemos” é demonstrar total amnésia com relação ao país que vivemos. A ética e a moralidade deve ser uma constante na vossa vida assim como quando criticamos temos o dever de no mínimo fazer melhor, do contrário já estamos sendo corruptos.

  5. Prezado Senhor, eu nenhum momento desmereci o trabalho (trabalho este que ajudo a realizar), mas apenas ressaltei que não “romantizemos” um trabalho que deve ser feito (com ou seu repercussões midiáticas), por todos nós.

    O senhor sabia que os membros do Judiciario acabaram de protocolar um PL para aumento de seus salários , sendo que eles recebem auxilios moradias de 4.000 reais e ja tiveram reajuste recentemente? O meu medo é simplesmente aceitarmos as benesses para uma casta de servidores simplesmente porque se tornaram “herois”…

    Ele são merecedores? Eu Acredito que sejam! mas pelo trabalho do dia a dia e nao apenas pelos casos que os projetam na mídia!

    Pense nisso! Só trouxe uma nova proposta de ver a situação de “romantismo”…(assim como romantizaram a eleição de um operário chão de fábrica para reger o País….). Devemos estar atentos a TUDO. Incluisve aos que nos fazem “bem”.

    Att,

  6. Prezada Paula, você sabe o por que de os funcionários públicos serem desmotivados? Porque quando acertam apenas cumpriram suas obrigações, quando erram dá-lhe pau! Desculpe mas você não entende nada de motivação no ambiente profissional tanto na área pública quanto privada. O aplauso e o reconhecimento sim são os motivadores para termos mais e mais funcionários públicos a cumprirem seus deveres com mais satisfação inclusive se arriscando a “perseguições” de superiores mediatos, do topo da pirâmide.
    Parabéns Polícia Federal, parabéns procuraodores, parabéns juíses corajosos, vocês são realmente verdadeiros heróis neste momento atual tão carente de dignidade.

  7. Parabens doutora. Eis uma visão que o leitor comum não tem. Parabens.

  8. Prezado professor, esses” heróis” nada mais nada menos fazem apenas a sua obrigação enquanto servidores públicos pagos para isso. É muito bem pagos, diga se de passagem. E são merecedores dos seus vencimentos. Acontece que não podemos endeusa los ou torna loa heróis por fazerem seu trabalho com decência que se lhes espera. Sob pena de nós tornarmos reféns de suas conquistas, travestidos de almoços escusos ( como aconteceu recentemente envolvendo a cúpula do judiciário ) ou auxílios moradias indecentes , pois esses membros aumentam seus próprios salários atives da canetada (eles têm medo de brigar por melhor remuneração por meio de projetos de lei e regular tramitarão). Falo com propriedade pois sou servidora pública do M P F e vejo o dia a dia de perto. Eu sei quem carrega nas costas todo o trabalho de colher informações técnicas e financeiras. E esses servidores estão há 9 anos sem recomposição salarial. Vivem no arrocho, enquanto esses deuses recebem auxílio moradias e aumentos sucessivos. Vi casos de improbidade administrativa ( ou mínimo ma gestão do dinheiro público na própria PGR e nada lhes acontece. ). Se os tornamos heróis mais do que servidores públicos , eles se sentiram a cima do bem e do mal. Torna LOs herói ou endeusa los apenas demonstram QUÃO CARENTES DE A DEMOCRACIA EQUILIBRADA ENTRE SEUA PODERES. Não alimentemoS isso. Não nos ceguemos.

Comments are closed.

UA-1184690-14