O Que é Ser da Direita Conservadora?

A Esquerda ainda acha que os pobres jamais se tornarão ricos numa única geração, portanto tudo depende de ser bem nascido ou não.

Todos os mal nascidos estariam condenados a serem confinados à sua classe.

Dado esse determinismo, a Esquerda se sente justificada em roubar, corromper e ser corrompida, tirar simplesmente dos mais ricos e produtivos sem justificativa.

Lula acha que tem todo o direito a ter um sítio, um triplex, aos 57 milhões que ele tem no Banco, e fica furioso com essa necessidade democrática de comprovar a origem.

A Direita Conservadora parte do pressuposto que ninguém fica rico do dia para a noite.

É um processo duro, persistente, exigente que leva até três gerações para frutificar, tantos os cuidados e aprendizados a incorporar.

Pai taxista, custeia a Faculdade de Direito de sua filha, que se torna Dra. Advogada, e cujo neto virará, por mérito, sócio do escritório de advocacia.

Suor e trabalho permite um avô ver seu neto rico, apesar dessas três gerações parecerem extremamente longas.

E tem o contrário, pai rico, filho nobre, neto pobre.

É com essa possibilidade extremamente comum que os conservadores se preocupam, que nos levaria à estaca zero novamente.

Ficar rico em três gerações não é o problema, manter-se rico e não voltar rapidamente à pobreza é o que ainda não sabemos fazer.

Honestamente.

(Lido por 2075 pessoas até agora)

10 Comments on O Que é Ser da Direita Conservadora?

  1. A esquerda não acredita que os pobres possam se tornar ricos em nenhuma geração, por isso temos as pregações de lutas de classes.

  2. Por mais controverso, e de certa forma irônico, a esquerda utiliza exatamente a classe pobre para serem “doutrinados” a apoiar suas ações, condenando-os a uma imunidade cognitiva, fazendo-os acreditar exclusivamente naquilo que os impõem. É o caso nitido dos petistas, que “idolatram” seu líder, mesmo tendo sido comprovadas as denúncias de corrupção. E nada os fará pensar de outra forma.

  3. Existe uma outra incoerência, um paradoxo, nessa história de ricos e pobres. Afinal, os esquerdistas também sonham em ser ricos? Mas os ricos, sobretudo os vindos do povo, por méritos próprios, não são justamente a antítese de sua ideologia? Eles odeiam a classe média, mas se esquecem que par alguém se tornar rico não teria que passar (primeiro) pela classe média?… A menos que ganhe na loteria ou assalte um banco… Eureka!!! Então é isso!!! Ficar rico roubando da classe média ou até dos pobres eles aceitam, porque dos ricos eles não conseguem roubar. O comunismo não é contra ser rico, é contra se esforçar (trabalhar) para ser rico, é contra ser empreendedor ou empregador dos outros para ser rico, é contra explorar o trabalho da classe operária para ter lucros e ser rico. Mas tirar de quem tem, isso é meritório, isso vale, é um jogo honesto. Desonestidade não é crime, crime é ser trabalhador honesto, é abrir uma empresa para explorar a mão de obra alheia, para gerar empregos, gerar renda e impostos. Suprema contradição! Hipocrisia! Insanidade pura!

  4. Os esquerdistas que leem este blog não entenderam nada. Além de tapa-olhos usados por equinos, agora estão usando também os de tipo frontal. Totalmente cegos à realidade que nos cerca. E agem como se fossem analfabetos funcionais. Leem A e entendem Y.

  5. Sem dúvida um dos melhores artigos publicados nesse blog nos últimos tempos.

    O conservador sabe que mudanças para melhor levam tempo e demandam muita energia, gerações, conforme mencionado no artigo. Os revolucionários têm muita pressa e com seu imediatismo querem destruir tudo o que existe (de bom e de ruim) para recomeçar tudo do zero. Só esquece este último que a natureza humana permanece a mesma e quem estiver no poder após a revolução será tão humano quanto o que foi destituído.

  6. Portanto, esquerdistas, conforme postado acima, são todos criminosos e ladrões. Há três gerações a esquerda só patrocinou a roubalheira e pobres continuam pobres, só os “espertos” ficaram ricos. Pessoas que pensam assim são o mal do mundo.

  7. Nossa, por incrível que pareça, o início da publicação já me identificou como sendo uma pessoa da “esquerda”, pois também penso desta forma: No Brasil, sem cometer nenhum crime, os pobres jamais se tornarão ricos numa única geração, portanto tudo depende de ser bem nascido ou não.

  8. Com 57 milhões no banco, seu neto morreu num hospital público…Por favor, mais administração e menos ideologia.

Comente

Seu email nao sera publicado.




UA-1184690-14